COISAS E COISINHAS DO NOSSO MUNDO augusto semedo

17
Set 07

Regressava com saudades. Sobretudo da comida. A viagem havia sido longa, por toda a França e Espanha, horas de cumplicidade com o automóvel. O calor apertava mas o desejo era mesmo vir almoçar a Portugal.

Passaria pouco das duas da tarde. Área de serviço, a primeira do país. À mesa, funcionários falavam alto, gracejando vidas alheias. O único cliente era eu. Do lado de dentro do balcão, uma jovem atendeu-me, mostrando o que restava ainda quente no self-service.

De repente, a seu lado, surgiu o homem que seria o seu chefe. A jovem, com um sorriso envergonhado, parou de me servir. O homem encheu o seu prato. - A fome é negra! A fome é negra!..., vociferou.

Esperei. Não sei como, nada disse. Fui servido, paguei, almocei e saí. Na sala, além de mim, só os funcionários. A falarem alto e da vida alheia.

Dois anos depois, repeti para logo me arrepender e sair. Um casal alemão tinha a sua primeira experiência em português. Ao balcão, esperavam pacientemente que a única funcionária presente os atendesse. Ela, de costas para os clientes, mantinha a cabeça dentro do postigo que dava para a cozinha. Fazia algo, provavelmente uma sandes. Vagarosamente...

Os alemães perderam a paciência e saíram. Voltaram a meter-se no Audi, a caminho do litoral. Esperando certamente que a próxima experiência no país que visitavam fosse mais agradável.

publicado por Augusto Semedo às 12:11
tags:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.


Setembro 2007
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
11
12
13
14
15

16
18
19
20
22

23
24
25
26
27
28
29

30


subscrever feeds
mais sobre mim

ver perfil

seguir perfil

2 seguidores

pesquisar neste blog
 
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

blogs SAPO