Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

d'aquém e d'além

COISAS E COISINHAS DO NOSSO MUNDO augusto semedo

d'aquém e d'além

COISAS E COISINHAS DO NOSSO MUNDO augusto semedo

O engano

Augusto Semedo, 19.10.06

O distrito de Aveiro continua a ser penalizado nas intenções de investimento do Estado (o PIDDAC 2007 volta a reduzir a dotação orçamental) mas é já um alvo na intenção governamental de colocar portagens em algumas SCUT.

A A17 e a A29 estão entre as três abrangidas por esta decisão. As alternativas são hoje estradas urbanas, com enormes pontos de conflito, estranguladas pelo crescimento urbano da região.

A solução que o Estado ofereceu, nas últimas décadas, vai passar pelos vistos a ser paga pelo utilizador. Mesmo que a A17, por exemplo, surgisse a partir da necessidade de fazer uma variante da EN109 a Vagos, Ílhavo e Aveiro, reivindicação que demorou muitos anos a ser satisfeita. E que com portagens continuará a não o ser, porque os utilizadores que não queiram ou que não possam pagar irão continuar a penar numa 109 agora transformada em via ainda mais urbana e, por isso, ainda mais desadequada.

Afinal, o Estado não resolveu o problema essencial dos cidadãos, mesmo gastando milhões. Também temos de levar com isto?

Tempos difíceis

Augusto Semedo, 19.10.06

Há quantos anos, de forma tão gritante, Águeda não surgia no PIDDAC com tão pouco peso? Há quantos anos não olhávamos para o documento onde se inscrevem os investimentos previstos pelo Estado sem que um único novo objectivo fosse apresentado para um município que desespera por infra-estruturas vitais ao seu desenvolvimento?

A redução substancial da verba definida para Águeda é um sinal de que tudo continuará adiado e um sinal muito negativo para a câmara socialista que há um ano terminou com sucessivas maiorias do PSD. Um êxito eleitoral que, pelos vistos, não é acompanhado pelo Governo socialista, que a continuar a dar tão pouco a Águeda retirará inevitavelmente margem de manobra a uma maioria autárquica que chegou ao poder mercê de expectativas alimentadas ao eleitorado.